NOSSA HISTÓRIA. A música, o tempo e a saudade.

A música, o tempo e a saudade.


Por Sebastião Guimarães Cortes - "Tião Loló"* - 


tribute-to-woodstock-4735109

Capa psicodélica do tributo a Woodstock.

Arte: dreamstime.com

Você já parou para pensar quantas músicas marcaram varias passagens em sua vida, e aquelas que tocam nos bons acontecimentos são mais lindas e te enchem de alegria quando as escutam, e quando ao contrário, te trazem um grande baixo astral.

Sendo assim podemos concluir que em parte a beleza da música, depende do que vivenciamos a cada época e que elas são extremamente importantes em nossas vidas, elas alimentam nosso corpo e iluminam nossa alma.

O tempo é transformador de tudo, ele muda nossos rumos, possibilita sermos felizes, inclui tristezas, nos torna mais bonitos e até mesmo mais feios, nos ensina, cobra nossos erros, nos faz arrepender do que fizemos ou do que não fizemos. Quando somos mais novos, torcemos para passar rápido para sermos grande, mas quando somos mais velhos, torcemos para passar devagar para vivermos mais.

Quando juntamos música e o tempo passamos a nos compreender e entender melhor, as duas coisas vão sempre estar juntas e nós vamos buscar em cada música e em cada detalhe de nossas vidas e isto terá como conseqüência a manifestação do segundo maior sentimento da humanidade: “A saudade”, que manifesta de diversas formas: de quem já partiu deste mundo, que amamos ou já amamos, de quem fomos amigos, dos tempos de outrora e dos colegas de escola.

 

*Tião Loló é professor e foi srecetário municipal de Cultura em Patrocinio-MG


tv-hoje-banner-686x113