LIBERTADORES. Cruzeiro faz jogo de 150 da Libertadores contra o Vasco hoje no Mineirão

Em pontos conquistados, o Cruzeiro segue como o clube com o melhor aproveitamento da história da competição internacional, com 63,8%

cruzxvasc

 

Na história, houve 93 duelos entre as equipes, com 34 vitórias do Cruzeiro, 29 empates e 30 vitórias da equipe do Rio de JaneiroFotos: Washington Alves/Cruzeiro


Da Redação da Rede Hoje


Nesta quarta-feira, dia 3 de abril de 2018, o Cruzeiro estará disputando a partida de número 150 na Copa Libertadores da América, competição mais importante do continente. A Raposa é, atualmente, o quarto time brasileiro em números de jogos e o quarto do país em participações no torneio sul-americano.

 

Em pontos conquistados, o Cruzeiro segue como o clube com o melhor aproveitamento da história da competição internacional, com 149 jogos, 86 vitórias, 27 empates e 36 derrotas, totalizando 63,8%. Logo atrás vem o Santos com 63,1% e o Estudiantes com 61,2% dos pontos disputados.

 

Já em gols marcados, o Cruzeiro segue com uma das melhores médias de ataques da Libertadores de todos os tempos. O Santos é o primeiro colocado com 2,01 de média, seguido pelo Flamengo com 1,89. O Cruzeiro é o terceiro colocado com 1,88, com 280 gols marcados em 149 jogos.

 

Adversário antigo. O adversário de número 150 da Raposa no torneio será o Vasco da Gama. Em toda a história, houve 93 duelos entre as equipes, com 34 vitórias do Cruzeiro, 29 empates e 30 vitórias da equipe do Rio de Janeiro. Foram 141 gols marcados pelo time celeste contra 123 do rival.

 

Pela Copa Libertadores da América, Cruzeiro e Vasco se enfrentaram em duas edições, em 1975 e 1998, com uma vitória para cada equipe e dois empates. Cada time marcou cinco gols. Em 1975, pela primeira fase da competição, o Cruzeiro venceu por 3 x 2, no Mineirão, e empatou em 1 x 1 em São Januário. Em 1998, pelas oitavas de final, o time carioca venceu por 2 x 1 em São Januário e houve empate em 0 x 0 na partida de volta, no Mineirão.

 

No estado de Minas Gerais, as duas equipes se enfrentaram em 49 oportunidades, com 22 vitórias celestes, 16 empates e 11 vitórias do Vasco. A Raposa marcou 81 gols e sofreu 60. Foram 34 jogos realizados no Gigante da Pampulha e o Cruzeiro ganhou 17 deles, empatou 12 e perdeu apenas com cinco, com 62 gols marcados e 36 sofridos.

 

Com Angel Drumond da Ascom |Cruzeiro