BOA NOTÍCIA. CAP continua nas mãos da atual diretoria, Marcão será o presidente a partir de janeiro 2020.

Maurício Cunha deve assumir uma das vice-presidências do clube Grená

Fotos: Rede Hoje marcao-2

Marcão garantiu em entrevista à Rede Hoje|Rádio Capital que é o candidato do clube


Luiz Antônio Costa|Rede Hoje|Rádio Capital


A diretoria do Clube Atlético Patrocinense(CAP) bateu o martelo na reunião desta semana: Marcos Antônio da Silva, o Marcão, vai assumir a presidência em 2020. A eleição ocorre este ano ainda. Será mudado o estatuto do clube – diminuindo para 2 anos o tempo do mandato da diretoria. Os trabalhos para montagem do time para 2020 já começaram. Ainda neste sábado, a TV Hoje apresentará entrevista com o futuro presidente.

 

mauricio

Maurício Cunha continua, provavelmente como vice presidente.

 

O nome de Marcão foi definido numa reunião que ocorreu esta semana na casa do presidente Maurício Cunha, para fazer um balanço. A diretoria conversou e resolveu que o melhor era sair dos seus membros o novo presidente para que o processo de fortalecimento do CAP não parasse.

 

Em entrevista à Rede Hoje|Rádio Capital FM, nesta sexta-feira, 26, Marcão disse que “o que for melhor será feito, a gente não tem vaidade o que queremos é o melhor para o CAP”, garantiu.

 

Sobre a indicação do seu nome, o diretor disse que “qualquer um dos companheiros está habilitado pegar a presidência, gente pega qualquer cargo, o que queremos é contribuir. Meu nome está à disposição”, diz.

O certo é que nome de Marcos Antônio da Silva já é unanimidade dentro e fora da diretoria. A torcida, a imprensa, todos que gostam do esporte querem a continuidade do trabalho do grupo de Maurício Cunha(atual presidente), pelo poder de gestão e pela credibilidade. O CAP é hoje um dos únicos clubes do futebol brasileiro sem dívidas.

 

marcao-1ALTERAÇÕES NO ESTATUTO. Segundo Marcão, os dirigentes vão tentar fazer somente algumas mudanças de funções nas reuniões que estão acontecendo. Outra informação importante são as alterações no estatuto. Marcão diz que o estatuto será modificado, inclusive no que tange à permanência dos presidentes, que diminuirá para 2 anos. “Ela será aprovado e publicado em jornal da cidade”, diz.

 

A data de convocação de eleição da diretoria executiva, dos conselhos Deliberativo e Fiscal, da alteração contratual e consequentemente a eleição dessas três as três diretorias do CAP, a diretoria deve definir para o final de agosto ou início de setembro. Maurício Cunha que é o presidente, poderá ser o vice-presidente. Marcão disse que Maurício colocou à disposição para assumir qualquer cargo. “Ele quer é ajudar, pode ser o primeiro ou segundo vice. Temos também o Valtinho Jandaia, o Diogo Cunha, o Dalmo, são várias pessoas que já colocaram à disposição. O Conselho elege a diretoria, preenche os cargos de presidente, vices, tesoureiros, secretários e os outros cargos – como diretor de futebol, de patrimônio, marketing, serão escolhidos pelo presidente e a partir de então passam a compor diretoria”, explica o diretor.

 

À pergunta da Rede Hoje|Rádio Capital FM se sem ser eleito ele começaria a trabalhar agora, já que o ano está chegando, Marcão disse quecomo o mandato da atual diretoria vai até dezembro, nós estamos trabalhando para o restante do acerto que falta de atletas, alguma coisa que estava pendente; também já renovando patrocínio de uniformes e a partir de setembro já começa a parte de publicidade e contratação dos atletas”, concluiu.


camara 686x113px 14062019