Após empate fora, Cruzeiro recebe "embalado" Uberlândia no Mineirão

Paulo Cezar Catanoce destaca a força do Cruzeiro (Foto: Lucas Papel)

Em busca da segunda vitória no Campeonato Mineiro, Cruzeiro e Uberlândia se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Mineirão, pela terceira rodada da competição. A Raposa, que venceu o Tupi na estreia, por 2 a 0, no Gigante da Pampulha, não saiu de um empate sem gols com a Caldense, em Poços de Caldas, na segunda rodada. Já o time do Triângulo, que havia sido derrotado em casa na primeira partida, para a URT, por 2 a 0, reagiu e goleou o Tupi, por 5 a 2, de virada, em Juiz de Fora, na rodada passada.

Com quatro pontos na tabela, mesma pontuação do líder Atlético-MG e da vice-líder URT, que têm saldo de gols maiores, o Cruzeiro vai com o que tem de melhor para o jogo desta quarta. O técnico Mano Menezes vai manter o time bastante ofensivo, com Arrascaeta, Thiago Neves e Fred na frente. O torcedor terá uma novidade na equipe titular: o lateral-direito Edilson vai fazer sua estreia.

- O ritmo ainda, com certeza, vai estar longe do que eu posso render, mas acho que todo mundo passa por esse processo. É algo natural. Ainda não tiveram a fórmula de ter essa capacidade física sem ter esse ritmo de jogos e treinos. Estou muito feliz com a minha estreia. Tenho certeza que, mesmo sem ritmo, a gente supera pela felicidade de estrear num clube grande como o Cruzeiro, em casa, diante da torcida. Estou feliz, mas ainda falta muito. Isso vou adquirir durante os jogos.

As seis mudanças do técnico Paulo Cezar Catanoce no time titular surtiram efeito no Uberlândia Esporte. A vitória por goleada sobre o Tupi, na última rodada, não só lavou a alma dos jogadores, como também aumentou a confiança para enfrentar o Cruzeiro. Seguindo a máxima do futebol de que em time que está ganhando não se mexe, o treinador deve escalar a mesma equipe que começou jogando em Juiz de Fora para entrar no Mineirão.

- Sabemos que o Cruzeiro é uma das maiores equipes do país, muito qualificada. E o Uberlândia tem que estar atento nesses detalhes. Fizemos um treinamento em BH, para ajustar a equipe. É preciso ter concentração total e existe uma possibilidade enorme de mantermos o time depois da boa vitória sobre o Tupi. Também existe a possibilidade de um time mais preservado, eles têm Rafinha, Fred, entre outros na frente, mas vamos fazer o possível para surpreender – disse o treinador.

(Globoesporte)


atenas-bernoulli-21112017