BOA NOTÍCIA. Patrocínio continua tendo um representante em Brasília e é mulher: Greyce Elias

A primeira mulher de Patrocínio a assumir o cargo

greyce

Greyce é de família tradicional na política: filha de Elias Abrão Neto, da ex-vereador Marta Elias e sobrinha do ex-prefeito Júlio Elias(foto: Facebook)


Da redaçao da Rede Hoje


Greyce Elias faz história na política patrocinense. É a primeira mulher a ocupar uma vaga no congresso Nacional e teve votação expressiva: 37.620 votos, foi a terceira mais votada do Avante. 

 

Greyce Elias é advogada, foi vereadora, candidata a prefeita nas eleiões de 2016. Em Patrocínio, sua cidade natal, teve 33.03% dos votos válidos, com 15,527 votos, ficando no segundo lugar.

 

TRADIÇÃO. Ela é oriunda de uma familia totalmente política, desde de seu avô Jorge Elias Abrão. É filha da ex-vereadora Marta Elias e do ex-secretário de Saúde do Município, Elias José Abrão Neto. Além disso, é sobrinha d ex-prefeito Júlio Elias. É irmã de Hilda, Fred e Nicholas. Com certeza, fará um papel importante na capital federal por Minas e por Patrocínio, que precisa muito de Greyce Elias, pois será a única representante de Patrocínio, na Câmara Federal. 

 

OS DEMAIS. O outros representantes da cidade nestas eleições, não conseguiram ser eleitos. Silas Brasileiro, experiente, deputado por vários mandatos e presidente do Conselho Nacional do Café, teve 27.326 votos, 0,25%, foi o nono do MDB. O escritor Wilson Mello, teve 1.855 votos, 0,02% dos votos válidos, o 13 dos Patriotas, também não conseguiu a eleição.

 

ESTADUAIS. Patrocínio tinha esperança no vice prefeito Gustavo Brasileiro. Ele teve uma boa votação, 28.997, 0,29% votos válidos, e foi o terceiro mais votado dos Patriotas, mas não conseguiu ser eleito.

 

Marcilene Jacinto com 13,990 votos, 0,14 % dos votos válidos e a 11 mais votada do PHS; Ana Paula Dornelas, com 1.051; o agente penitenciário, Macedo do PPL, teve 1.106 votos; Rosymeire Malagoli do PC do B, teve 410 votos e não foram eleitos.