Com um meio campo confuso, muitos erros de passe CAP perde a oportunidade de subir na tabela

O gol do Patrocinense foi do atacante Reis, após cobrança de escanteio. Fotos: reprodução|Nsports

Da Redação da Rede Hoje

Patrocinense foi derrotado em casa neste domingo (30) pelo Uberlândia pelo placar de 2 a 1. O jogo, válido pela segunda rodada do Campeonato Mineiro, foi equilibrado e no final, venceu quem aproveitou melhor as chances e errou menos. Os gols do jogo foram dos volantes João Paulo e Luanderson, para o Verdão e Reis descontou para o time Grená.

Com o resultado, o Patrocinense continua com um ponto e o Uberlândia subiu para três. Na próxima quarta (02/02) as 21h no Parque do Sabiá, o Verdão recebe o Atlético Mineiro, enquanto o Patrocinense recebe a URT que não pontuou ainda na temporada, após 2 rodadas.

O JOGO. A partida começou com ao Patrocinense pressionando, mas quem marcou foi o Uberlândia. Aos 9’ do primeiro tempo, o volante João Paulo chutou forte de forte da área e abriu o placar. O time grená não oferecia nenhuma dificuldade para a defesa uberlandense. E o jogo ficou nisso.

No segundo tempo, o CAP voltou diferente do vestiário, com mais vontade. Aí sim pressionou bastante a equipe adversária – que abusou do direito de fazer cera, especialmente do goleiro Robalo. Mas, como quem não faz leva, aos 24 minutos o outro volante Luanderson fez um golaço. Novamente de fora da área. A bola foi cruzada pela direita, a defesa limpou, mas a bola caiu para o jogador uberlandense: 2 a 0 Uberlândia.

Mas, três minutos depois, aos 27, Léo Costa cobra um escanteio e o centroavante Reis subiu absoluto no meio da zaga uberlandense e cabeceou para o fundo das redes. Também um lindo gol.

Depois disso, o CAP tentou, mas pecou exageradamente. Teve o tempo inteiro um meio campo confuso, muitos erros de passe e a defesa insegura. Final de jogo: Patrocinense 1, Uberlândia 2.



O segundo gol do Uberlândia foi de volante Luanderson: um golaço


FICHA DO JOGO

Patrocinense: Diego; Douglas Dias, Rayan (AM), João Gabriel, Caio Ribeiro (Samuel); Michel Elói (Zé Augusto), Magno (Juninho), Léo Costa (Márcio Jonatan), Luiz Thiago (Nando); Aslen e Reis. Técnico: Gustavo Brancão

Uberlândia: Rafael Roballo (AM), Kellyton, Diego Silva, Bruno Maia e Mateus Mendes (AM); João Paulo, Nailson, Luanderson (Maicon Souza) e David Lazari (Elivelton); Lucas Coelho(AM)(Daniel) e Felipe Pará (AM)(Eduardo Thuram). Técnico: Chiquinho Lima

ARBITRAGEM. Árbitro: Wanderson Alves de Souza; Assistentes: Douglas Almeida Costa e João Paulo Gomes Pereira; Quarto árbitro: João Luiz Gomes Neto